A Família Perfeita

A Família Perfeita

“Eis que eu vos enviarei o profeta Elias, antes que venha o grande e terrível Dia do Senhor; ele converterá o coração dos pais aos filhos e o coração dos filhos a seus pais, para que eu não venha e fira a terra com maldição” (Malaquias 4:5,6)

“Mas, antes que chegue aquele grande e terrível dia, eu, o Senhor, lhes enviarei o profeta Elias. Ele fará com que pais e filhos façam as pazes para que eu não venha castigar o país e destruí-lo completamente”. (BNTLH)

 

Intro:

*       Uma breve explicação sobre “Elias”

Texto importante: Lucas 1:17; 3:3-5;

*       Uma breve explicação sobre “o grande e terrível Dia do Senhor”

Julgamento de nações, Vindas de Cristo, Julgamento na Vinda de Cristo

*       Maldição

No texto quer dizer “destruição”

 

O contexto histórico:

O Reino de Judá já havia passado pelos 70 anos de cativeiro na Babilônia (Jeremias, Lamentações de Jeremias, Daniel).

Volta do Exílio (Esdras, Neemias, Ageu, Zacarias, e MALAQUIAS-450 a.C.)

O tempo do profeta Malaquias, aproximadamente 100 anos após a volta do exílio, é marcado pela frieza espiritual, pela iniqüidade, pelos pecados do sacerdócio, pela infidelidade conjugal, e por extremas dificuldades sociais.

Nesse contexto surge um homem: João Batista.

Um homem que prepararia o caminho do Messias, Jesus Cristo.

O que ele faz?

Prega, converte a muitos, batiza, etc.,

e faz uma coisa surpreendente: Converte o coração de pais e filhos.

Não vamos entrar a fundo nesse contexto histórico porque nosso objetivo é falar sobre família.

A FAMÍLIA PERFEITA, como muitos concebem, não existe. Não existe família sem problemas, sem lutas, sem conflitos, mas existem famílias que ultrapassam essas dificuldades, que vencem suas lutas, cujos membros se amam e se perdoam mutuamente. Essa família se converte a si mesma todos os dias. É essa família que estou chamando de “Família Perfeita”.

 

A FAMÍLIA PERFEITA é uma família CONVERTIDA.

O QUE ISSO SIGNIFICA? Como é? O que faz?

 

1º) SIGNIFICA QUE ESSA FAMÍLIA SEMPRE RETORNA A SI MESMA.

Conversão: Retornar, voltar, restaurar, renovar

Após cometer erros

Um retorno do coração

 

O PERDÃO é a principal marca de uma família convertida

Deus nos deu poder para perdoar.

Ganhamos um coração perdoador, e, por isso mesmo, podemos perdoar.

O perdão é o único caminho de volta.

A família convertida a si mesma vive se perdoando, pois é impossível viver sem cometer erros.

Os membros de uma família convertida não a abandonam quando as coisas estão difíceis, mas retornam para casa, recebendo e oferecendo perdão.

 

2º) UMA FAMÍLIA CONVERTIDA É UMA FAMÍLIA “BLINDADA”.

Muita coisa está acontecendo nos dias de Malaquias, e nos dias de João Batista:

(Referência aos primeiros capítulos que narram essas dificuldades)

Muita coisa está acontecendo em nossos dias:

Violência, ataques contra a família, iniqüidade, esfriamento espiritual, consumismo, imoralidade, etc.

Quais são as nossas preocupações? (segurança, trabalho, saúde, remédios, etc.)

Quais são as nossas armas? (cursos, casas seguras, médicos, etc.)

 

Quais são as armas de Deus?

Casa na rocha (MATEUS 7:24,25)

e corações convertidos uns aos outros (Malaquias 4:6)

 

Uma família convertida a si mesma constrói uma proteção para si mesma.

Essa proteção não vem de fora, ela se ergue dentro dos corações de seus membros.

Uma família unida fica firme contra as tempestades e contra qualquer ataque externo, pois ela está protegida de dentro para fora.

 

Uma família que se ama fica firme contra as tempestades!

 

3º) SIGNIFICA QUE ESSA FAMÍLIA (perfeita, convertida, perdoadora, e blindada)É UMA FAMÍLIA ABENÇOADA.

Deus criou homem e mulher “e os abençoou” (Gn 1:27,28)

Noé, Abraão, Isaque, Jacó.

 

Os pais abençoavam os seus filhos.

Os filhos honravam e abençoava a seus pais.

 

Bênção é o favor divino.

A maldição (do próprio Deus) é a falta do favor divino.

No texto, o próprio Deus diz que irá ferir a terra com maldição.

Essa maldição se “quebra” com uma família convertida, e quando isso acontece, ela recebe o favor divino.

 

“A bênção do Senhor enriquece” (Pv 10:22)

“O Senhor abençoou a casa do egípcio por amor de José; a bênção do Senhor estava sobre tudo o que tinha, tanto em casa como no campo” (Gn 39:5)

“E pelo Todo-Poderoso, o qual te abençoará  com bênçãos dos altos céus,  com bênçãos das profundezas,  com bênçãos dos seios e da madre” (Gn 49:25)

“Sê, pois, agora, servido de abençoar a casa do teu servo, a fim de permanecer para sempre diante de ti, pois tu, ó Senhor Deus, o disseste; e, com a tua bênção, será, para sempre, bendita a casa do teu servo” (2 Sm 7:29)

 

Conclusão:

Sabemos dos grandes desafios:

Sabemos que nem tudo depende de nós.

 

Mas, sabemos que Deus criou a família.

Sabemos que Deus deseja abençoar a todas as famílias.

 

Uma família perfeita (ou, se preferir: família vitoriosa, abençoada, etc.), é uma família que sempre volta a si mesma.

É uma família perdoadora, protegida, abençoada, unida, acolhedora e feliz.

 

Cremos que este deve ser o alvo de todas as famílias.

Quando alcançamos este alvo, Deus nos concede a sua bênção.